sexta-feira, 18 de março de 2011

A BESTA QUE SOBE DO MAR

A BESTA QUE SOBE DO MAR – Apocalipse 13
INTRODUÇÃO:

A. Seu surgimento foi profetizado pelo profeta Daniel 7

* Leão = Babilônia que reinou de 605-539 aC
* Urso = Média – Pérsia 539-331 aC
* Leopardo = Grécia 331-168 aC
* Animal Terrível, Espantoso e sobremodo forte = Roma imperial 168-476 dC

I. A PONTA PEQUENA DO QUARTO ANIMAL. QUE FARIA? Dan. 7:25
A. Falaria contra Deus
B. Magoaria os Santos de Deus
C. Mudaria os Tempos
D. Mudaria a Lei por 1 Tempo, 2 Tempos e Metade de um Tempo

II. A PONTA PEQUENA DE DANIL É A MESMA BESTA DO APOCALIPSE 13
A. Daniel 7:25 Atividade da Ponta Pequena
B. Apoc. 12:6 Atividade do Dragão
C. Apoc. 13:5 Atividade da Besta

1 ano = 12 meses
2 anos = 24 meses
6 meses = 6 meses
3 ½ = 42 meses x
x 30 dias = 1260 dias

D. O decreto do Imperador Justiniano, emitido em 533, reconheceu o papa como o “cabeça de todas as igrejas” (Código de Justiniano , livro 1. Baronius’s Anals A.D. 533). Desencadeou-se, assim, uma terrível perseguição em 538 e estendeu-se até 1798 com a revolução francesa e a morte do Papa Pio VI sob Berthier. Cumprindo-se assim Apoc.12:6 (1260 dias-anos) de perseguição e 13:3 (uma das cabeças golpeada de morte). 538 – 1798 = 1260 Anos de Perseguição. Apocalipse 13, apresenta o mesmo assunto de Daniel 7. Apenas com um pouco mais de detalhes. Vi emergir do mar uma besta que tinha dez chifres e sete cabeças e, sobre os chifres, dez diademas e, sobre as cabeças, nomes de blasfêmia. Apocalipse 13:1. Um animal na linguagem profética = Um reino político/religioso! Dan. 7:17, 23

E. Besta = Animal = Reino (Dn. 7:23). 7 Cabeças = 7 Reinos perseguidores.
Egito, Assíria, Babilônia, Média-Pérsia, Grécia, Roma pagã, Roma papal.
10 Chifres = 10 Reinos da divisão romana em 476 dC.

III. A BESTA DO APOCALIPSE 13
A. “A besta que vi era semelhante a leopardo, com pés como de urso e boca como de leão. E deu-lhe o dragão o seu poder, o seu trono e grande autoridade”. (Ap.13:2)
B. Esta besta possui características dos reinos vistos por Daniel.
C. “E deu-lhe o dragão o seu poder, o seu trono e grande autoridade. (13:2). Aqui começa a surgir a Ponta Pequena vista por Daniel. Ela recebe do Diabo: Poder, Trono e Grande autoridade
D. “Foi-lhe dada uma boca que proferia arrogâncias e blasfêmia e autoridade para agir durante 42 meses. E abriu a boca em blasfêmias contra Deus, para lhe difamar o nome e difamar o Tabernáculo, a saber, os que habitam no céu. Foi-lhe dado, também, que pelejasse contra os santos e os vencesse. Deu-se- lhe ainda autoridade sobre cada tribo, povo, língua e nação”. (13:5-7)

IV. QUE FARIA ESSE REINO, A PONTA PEQUENA/BESTA DO MAR?
A. Falaria contra Deus.
B. Perseguiria os fiéis
D. Mudaria os tempos e a lei
E. Durante 1 tempo, 2 tempos e metade de um tempo.

V. TESTEMUNHOS HISTÓRICOS
A. “Todos os nomes que nas Escrituras se aplicam a Cristo…, são aplicáveis ao papa”. (Belarmino, On The Authority of Councils, Livro 2, capítulo 17.)

B. “Tu és o pastor, tu és o médico, tu és o diretor, tu és o lavrador; finalmente, tu és outro deus na Terra”. (Labbe and Cossart, History of the Councils, publicado em 1672, 14:109).

C. “O papa é o supremo juiz da lei na Terra. É o representante de Cristo, que é não somente um sacerdote para sempre, mas também rei dos reis e senhor dos senhores”. (Leonard Wooslay Bacon, Vatican Coucils. Edição da American Tract Society, 220).

E. “Ensinamos e expomos ser um dogma divinamente revelado, que quando o pontífice romano fala…, se acha revestido daquela infalibilidade…, e que, portanto, tais definições do pontífice romano são imutáveis em si mesmas…”. (Henry Edward Manning, arcebispo de Westminster. The Vatican Council and Its Definitions, 218).

F. “O papa é de tão grande autoridade e poder que pode modificar, explicar ou interpretar mesmo as leis divinas… O papa pode modificar as leis divinas, visto seu poder não provir do homem, mas de Deus, e age como substituto de Deus na Terra, com o mais amplo poder de ligar e desligar o rebanho”. (Prompta Bibliotheca, publicado em Roma, 1900)

G. “O papa tem poder para mudar os tempos, ab-rogar leis e dispensar todas as coisas, mesmo os preceitos de Cristo”. (Decretal de Translat, Episcop. Cap.)

H. “A vontade do papa representa a razão. Ele pode dispensar a lei, e fazer do errado, direito, por meio de correções e mudanças das leis”. (Papa Nicolau, Discurso 96)

I. “O papa está livre de todas as leis, de maneira que não pode incorrer em nenhuma sentença de irregularidade, suspensão, excomunhão ou penalidade por qualquer crime”. (Papa Nicolau, Discurso 40)

VI. CONCLUSÃO: QUE REINO É ESSE QUE?
A. Uma das cabeças foi golpeada de morte. Ap. 13:3
B. O mundo se curva aos seus pés. Ap. 13:3
C. Tem autoridade. Ap. 13:4
D. Blasfema contra Deus. Ap. 13:5
E. Agiu por 42 meses. Ap. 13:5
F. Perseguiu o povo de Deus. Ap. 13:7
G. É adorado por toda terra. Ap. 13:8
H. É homenageado pela 2ª besta. Ap. 13:16-17

1. A Bíblia Sagrada e a maioria dos teólogos acreditam que é o reino Católico Apostólico Romano liderado pelo Papa que em 321, mudou a lei de Deus e introduziu no cristianismo puro várias doutrinas humanas. “A Igreja Católica, por sua própria infalível autoridade criou o domingo como o dia santificado para substituir o sábado da velha lei”. (Catholic Mirror, Orgão O ficial do Cardeal Gibbons, de 23 de Setembro de 1893).

2. A linguagem da Bíblia Sagrada para esse reino é: O anticristo, a Ponta Pequena, o Mistério da Iniqüidade e a Besta. “Ninguém, de nenhum modo, vos engane, porque isto não acontecerá (a volta de Jesus) sem que primeiro venha a apostasia e seja revelado o homem da iniqüidade, o filho da perdição, o qual se opõe e se levanta contra tudo que se chama Deus ou é objeto de culto, a ponto de assentar-se no santuário de Deus, ostentando-se como se fosse o próprio Deus”. II Tess. 2:2, 4.

3. DISSE JESUS: “Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida”. (Jo. 14:6);

“E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará”. (Jo. 8:32);

“Cuidado para que ninguém vos engane…” (Mt. 24:4);

“Eu tenho muitas ovelhas que não são deste aprisco”. (Jo.10)

“As minhas ovelhas ouvem a minha voz; eu as conheço, e elas me seguem. Eu lhes dou a vida eterna; jamais perecerão, e ninguém as arrebatará da minha mão. Aquilo que meu Pai me deu é maior do que tudo; e da mão do Pai ninguém pode arrebatar”. (João 10:27-29)

“... Antes importa obedecer a Deus do aos homens”. (At. 5:39)


Pr. Cirilo Gonçalves da Silva
Mestre em Teologia e Evangelista

2 comentários:

Manoel B. Silva disse...

Parabens Pastor Cirilo. Gostei do blog e claro, da mensagens que voce prega no pulpito e através da tecnologia da ínternet.
Como eu te disse hoje, se mil pastores se dispussem a escrever a mensagem da salvação, em um blog, e se cada um tivesse apenas mil leitores por ano, seria um milhão a mais de pessoas evangelizadas tod ano. Ora para que haja um despertamento entre os pastores e líderes de igreja, para que possamos usar os meios de comunicação moderna, para terminarmos a pregação do evangelho e cristo volte logo.

Um abraço
Pr Manoel Barbosa da Silva
Blog do Nezin
www.manoelbsilva.blogspot.com

Cezar Charles disse...

Cabeças quer dizer rei, e não reino. A besta em si já representa um reino. As cabeças são reis literias. o ponto de partida começa por babilonia e não por síria e egito.