terça-feira, 25 de janeiro de 2011

SERMÃO SOBRE A VOLTA DE JESUS

SERMÃO SOBRE A VOLTA DE JESUS

INTRODUÇÃO:

A. Existem nas Escrituras aproximadamente 2500 promessas da Volta de Jesus Cristo á Terra.

B. Uma das mais lindas foi feita pelo próprio Cristo. (João 14:1-3)

C. O livro do Apocalipse foi escrito valendo-se de vários métodos. Um deles é o Princípio do Desenvolvimento. Esse método ensina que o profeta inicia uma mensagem sem muitos detalhes e, pela inspiração de Deus, avança desenvolvendo-a até chegar ao seu clímax, podendo apresentar um segundo clímax.

D. A mensagem profética da Volta de Jesus no Apocalipse está apresentada pelo Método do Desenvolvimento

I. PRINCIPIO DO DESENVOLVIMENTO: Promessa ampla – para todos

A. APOCALIPSE 1:3 “Bem Aventurados aqueles que lêem e aqueles que ouvem as palavras da profecia e guardam as coisas nela escritas, pois o tempo está próximo”.

B. APOCALIPSE 1:7 “Eis que vem com as nuvens, e todo olho O verá, até quantos O traspassaram. E todas as tribos da terra se lamentarão sobre Ele. Certamente. Amém.

Promessa específica – para a igreja de Deus.

Éfeso “... venho a ti...” Apoc. 2:5
Esmirna “Sê fiel até a morte e dar-te-ei a coroa da vida”. 2:10
Pérgamo “... venho a ti sem demora...” 2:16
Tiatira “... até que eu venha”. 2:25
Sardes “... virei como ladrão...” 3:3
Filadélfia “... Venho sem demora...” 3:11
Laodicéia “Eis que estou a porta e bato...” 3:20 (na época em que Jesus viveu na terra, bater na porta era um sinal de apelo, de alerta e de preparo porque algo grandioso estava para acontecer).

C. APOCALIPSE 14:14 “Olhei e eis uma nuvem branca, e sobre a nuvem um semelhante a filho de homem, tendo na cabeça uma coroa de ouro e na mão uma foice afiada”.

D. APOCALIPSE 19:11,14. ESTE É O CLIMAX. “Vi o céu aberto, e eis um cavalo branco... E seguiam-no os exércitos que há no céu, montando cavalos brancos, com vestiduras de linho finíssimo, branco e puro”.

E. APOCALIPSE 22:7. ESTE É O 2º CLIMAX. “Eis que cedo venho; bem aventurados os que guardam as palavras da profecia deste livro”. APOCALIPSE 22:12. “Eis que cedo venho; e comigo está o galardão que tenho para retribuir a cada um segundo as suas obras”.

F. APOCALIPSE 22:20. “Eis que venho sem demora. Amém; Vem Senhor Jesus!”


II. AS SETE BEM-AVENTURANÇAS DO APOCALIPSE

A. Cada uma das Bem-Aventuranças fala da Volta de Jesus Cristo à Terra.

1.Apoc. 1:3 “... o tempo está próximo”. (comparar com Rom. 13:11-12; Heb. 10:37 e Apoc. 22:7)

2.Apoc. 14:13 “... bem-aventurados os mortos que desde agora morrem no Senhor”. (comparar com ICor. 15:50-58 e I Tess. 4:13-18)

3.Apoc. 16:15 “Eis que vem como vem o ladrão...” (comparar com Mat. 24:43-44; Mar. 13:32-37; Luc. 12:39-40)

4.Apoc. 19:9 “... bem-aventurados aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro...” (comparar com Mat. 22:1-14 e 25:34)

5.Apoc. 20:6 “Bem-aventurado e santo é aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre esses a segunda morte não tem autoridade...”

6.Apoc. 22:7 “Eis que venho sem demora...”

7.Apoc. 22:12 “Bem-aventurados aqueles que lavam as suas vestiduras no sangue do Cordeiro para que lhes assista o direito à árvore da vida”

II. COMO JESUS VOLTARÁ?

A. Virá com as nuvens. Ap. 1:7
B. Todo olho O verá. Ap. 1:7
C. Com os anjos. Ap. 19:11-16
D. Poder e gloria. AP. 6:15-17
E. Rei dos reis e Senhor dos senhores. Ap. 19:16

III. QUE ACONTECERÁ QUANDO ELE VOLTAR?

A. Vivos fieis serão transformados. (I Cor. 15:50-55).
B. Vivos infiéis serão destruídos. (II Tess. 1:8, 9; 2:8).
C. Mortos fieis ressuscitarão. (I Tess 4:13-18)
D. Mortos infiéis não ressuscitam (Ap. 20:5)

IV. A VOLTA DE JESUS (G.C.635-652)

• O mundo todo estará em trevas.
• O arco-íris, atravessando os céus, cerca os grupos de oração. Resplandece com a glória de Deus.
• O povo de Deus ouve a voz: “Olhai para cima”. E contemplam o Arco da Promessa. Vêem a Gloria de Deus.
• Contemplam o Filho assentado sobre o Trono.
• Ouvem: “Aqueles que me deste quero que, onde Eu estiver, estejam comigo”.
• Ouvem: “Eles vêm! Eles vêm! Santos incontaminados e inocentes. Guardaram a Palavra da Minha Paciência; andarão entre Anjos.”
• Nesse momento, proferem um brado de vitória.
• Jesus dirá: “Está Feito”.
• Os céus e a terra são abalados e um grande terremoto acontece.
• O firmamento parece abrir-se e fechar-se.
• As montanhas agitam-se como a cana ao vento.
• As rochas são espalhadas por todos os lados.
• O mar é açoitado com fúria.
• A terra inteira se levanta, dilatando-se como as ondas do mar.
• As ilhas desaparecem.
• Os portos marítimos são tragados pelas ondas do mar.
• Uma chuva de pedra pesando 35kg, cai sobre a terra.
• As cidades são destruídas completamente.
• As paredes das prisões se fendem e o povo de Deus, que estivera retido em cativeiro por causa de sua fé, é libertado.
• Abrem-se as sepulturas. Os que morreram na fé do terceiro anjo saem glorificados, para ouvirem o concerto de paz, estabelecido por Deus com os que guardaram a Sua lei.
• Os que zombaram e escarneceram da agonia de Cristo também ressuscitarão para ver que Aquele que eles mataram na cruz era Jesus o Filho do Deus vivo. Depois eles morrem e aguardam o juízo final.
• Os mais acérrimos inimigos da verdade e do povo de Deus, também ressuscitam para contemplá-Lo em Sua glória, e ver a honra conferida aos fiéis e obedientes. Depois eles morrem também.
• Densas nuvens cobrem os céus.
• De quando em quando o sol irrompe, aparecendo como o olhar vingador de Deus.
• Relâmpagos terríveis estalam dos céus envolvendo a terra num lençol de chamas.
• Ocorrem trovões ribombando por todos os lados e vozes misteriosas declarando a sorte dos ímpios. Essas vozes não são entendidas por todos, somente pelos falsos ensinadores. Eles estremessem de medo.
• Demônios reconhecem a divindade de Cristo, e tremem diante de Seu poder.
• A glória da Cidade Santa emana pelas portas entreabertas.
• Aparece uma mão segurando duas tábuas de pedra dobradas uma sobre a outra.
• Os ímpios contemplam os preceitos sagrados.
• É impossível descrever o horror e desespero dos que pisaram os santos mandamentos de Deus.
• Os ímpios vêem que o Sábado do quarto mandamento é o selo do Deus vivo. Agora é tarde demais.
• Somente na eternidade poderemos com acerto avaliar a perda de uma única alma.
• Terrível será a condenação daquele a quem Deus disser: “Retira-te mau servo”.
• A voz de Deus é ouvida no céu declarando o dia e a hora da vinda de Jesus e ecoa pela terra toda.
• O povo de Deus fica a ouvir e a olhar com o olhar fixo no alto. Tem o semblante iluminado com a glória de Deus à semelhança de Moisés quando desceu do monte Sinai.
• Os ímpios não podem olhar para o povo de Deus.
• E quando Deus pronunciar a Bênção sobre os que honraram a Ele e santificaram o Seu Sábado, haverá uma grande aclamação de vitória.
• Surge logo no oriente, uma pequena nuvem negra, aproximadamente da metade da mão de um homem. É a nuvem que rodeia o Salvador, e que, à distância, parece estar envolta em trevas; o povo de Deus sabe ser esse o sinal do Filho do Homem. Em solene silêncio fitam-na enquanto se aproxima da terra, mais e mais brilhante e gloriosa, até se tornar grande nuvem branca. Em cima dela um arco-íris e essa nuvem está rodeada a um fogo consumidor.
• Os anjos inumeráveis cantam com antífonas de melodias celestiais. O céu está repleto de anjos. São milhões de milhões e milhares de milhares.
• Aproxima-se mais e mais e todos contemplam o Príncipe da Vida. Com uma corôa de ouro.
• Sobre os que rejeitaram a misericórdia de Deus, cai o terror eterno. Os joelhos tremem, e o coração derrete. E os rostos de todos eles empalidecem.
• Os anjos param de cantar. Um silêncio terrível paira no ar.
• Ouve-se a voz de Jesus: “A minha graça de basta”. Alegria eterna enche os corações dos justos.
• Os anjos entoam uma melodia mais forte, e de novo cantam ao aproximar-se da terra.
• Os céus enrolam-se como um pergaminho e a terra treme diante de Jesus Cristo.
• Os reis da terra, os grandes, os ricos e todo o servo se esconderam nas cavernas e clamaram: “Escondam-nos da face dEle.” (Ap. 6:15-17)
• Todos os que participaram de Sua morte estão a comtemplá-Lo em glória. E ficam pasmados, emudecidos.
• Os santos dizem: “Eis que Este é o nosso Deus, a quem aguardávamos, e Ele nos salvará”.
• O Filho de Deus chama os santos que dormem.
• Com as mãos levantadas brada: “Despertai, despertai. Vós que dormis no pó, e surgi”.
• Todos os fiéis de todas as épocas saem das sepulturas glorificados e transformados. Dizendo: “Onde está ó morte, o teu aguilhão? Onde está a tua vitória?”.
• Os vivos justos são transformados também e unem-se com os ressurretos numa aclamação de vitória.
• Todos saem das sepulturas com a mesma estatura que para lá foram, porém, glorificados.
• Os anjos ajuntam todos os escolhidos.
• Todos os salvos sobem nos carros de anjos para a Corte real, o palácio de Deus, que é de ouro puro.
• Antes de entrar na cidade de Deus, Jesus organiza a entrada. Em forma de um quadrado. Cada um com um emblema de vitória.
• Jesus coloca uma coroa em cada um com um novo nome e também com uma palavra: “SANTIDADE AO SENHOR”.
• Recebem palmas de vencedor e harpas resplandecentes.
• Todos começam a tocar e cantar maravilhosamente bem acompanhados pelos anjos.
• Quando os portais de pérolas se abrirem, Jesus entrará e dirá com voz melodiosa: “Vosso conflito está terminado”. Vinde benditos de meu Pai, recebam por herança o Reino que vos está preparado desde a fundação do mundo.

CONCLUSÃO:

Esse dia está próximo!! O que fazer para ser salvo de acordo com Romanos 13:11-14).

A. Despertar do sono espiritual
B. Deixar as obras das trevas
C. Revestir das armas da luz
D. Não viver em orgia
E. Não viver em bebedices
F. Não viver em impudicícias
G. Não viver em dissoluções
H. Não viver em contendas
I. Não viver em siúmes
J. Não viver na carne
K. Revestir de Jesus

2. O que fazer para ser salvo de acordo com a Bíblia?

A. Crer em Jesus Cristo. (Jo. 3:16; At. 16:30, 31)
B. Arrepender e converter. (At. 2:37,38; 3:19)
C. Confessar os pecados. (Pv. 28:13; IJo.1:9)
D. Obedecer os 10 mandamentos. (Mat. 19:16-17; Êx. 20:3-17)
E. Ser batizado. (Mat. 28:18-20; Mc. 16:16)
F. Ser perseverante e fiel até o fim. (Mt.24:13; Ap.14:12)

“PREPARA-TE”!!! (Amós 4:12)

Pr. Cirilo Gonçalves da Silva
Mestre em Teologia e Evangelista

Um comentário:

Anônimo disse...

Belíssimo sermão...Muito inspirador...Amém Pastor Cirilo...